Site da Vila Madalena
Home Como Chegar Contato Anuncie conosco
menu

www.vilamadalena.com.br

Personalidades da Vila

A cineasta Lô Politi, nascida, criada e moradora da Vila Madalena, percorre as ruas do bairro com sua bike elétrica, descobrindo sempre novos points descolados. Num desses lugares, batemos um papo descontraido com ela sobre seu novo longa, Jonas, inteiramente ambientado e rodado nas ruas da Vila Madalena. Com estréia prevista para o ano de 2016, o filme conta a história de Jonas, interpretado por Jesuita Barbosa, um garoto que é filho da empregada e é apaixonado por Branca ( Laura Neiva) , a filha da patroa. O filme, que  mostra também os bastidores do Carnaval Paulista, conta também com Chay Suede e com o cantor Crioulo.

Fundador do Centro Cultural Vila Madalena, que promove diversos eventos de rua, destacando-se a tradicional Feira da Vila Madalena, o Presidente Nacional do partido Verde, José Luiz Penna (SP), está em seu segundo mandato como Deputado Federal.  Natural do Rio Grande do Norte, Penna também foi fundador da Comissão Pró Índio (SP), ONG dedicada à luta pelos direitos indígenas e comunidades de quilombolas. Em seu primeiro mandato na Câmara, Penna elegeu-se presidente da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quando promoveu um ano legislativo intenso de debates sobre os temas ambientais da atualidade. 

O Jacaré Grill, bar famoso pelos seus cortes de carnes especiais, comemora 25 anos de existência! Idealizado por Marcelo Jacaré, que toca o boteco-restaurante desde o início, o Jacaré Grill faz parte da vida da Vila Madalena. Com um público fiel e abrangente, o Jacaré funciona nos finais de semana, a 3 fases: a família que vai almoçar, as Harley Davidson que estampam a frente do lugar nas descontraídas tardes, e quando cai a noite, os movidos pela música que prestigiam o bom e velho rock´n roll. Durante a semana, é famoso pelo happy hour regado à cerveja gelada e futebol, principalmente em jogos do Santos, time de coração do Jacaré. 

Em 2012, dois estudantes de Administração da USP, Daniel Morais Assunção e Luís Madaleno, começaram a conversar sobre a criação de um site que conectasse pessoas. Outros dois colegas, Bruno Tataren e André Cervi, uniram-se a eles, e o projeto evoluiu para incluir a área social. Dessa idéia surgiu o Atados (www.atados.com.br), uma rede social que conecta voluntários a ONGs. Deu tão certo que hoje, localizados em São Paulo, num escritório em Pinheiros, já possuem 300 ONGs parceiras e mais de 40 mil ações voluntárias realizadas através do site. Agora, resolveram expandir o projeto para o Rio e já contam com 70 instituições cadastradas.